5 benefícios do uso de chatbots no ensino a distância

Por

·

3 min. de leitura

O uso de chatbots no ensino a distância tem sido uma alternativa para a resolução de vários desafios encontrados no setor educacional. Em um mercado tão vasto e que ainda há muito a explorar, essa tecnologia pode trazer vantagens competitivas para as instituições e maior engajamento dos alunos. Confira!

5 benefícios do uso de chatbots no ensino a distância

Neste conteúdo, elencamos os principais benefícios do uso de chatbots no ensino a distância. Vamos falar sobre:

  • Inteligência Artificial e Chatbot no ensino a distância
  • Benefícios do uso de chatbots no ensino a distância
  • Atendimento mais rápido com os alunos
  • Tirar dúvidas com tutoria virtual
  • Engajamento dos alunos e redução da evasão
  • Redução de custos

Inteligência Artificial (IA) e chatbots estão mudando o mundo de um modo que não poderíamos imaginar. Há apenas alguns anos atrás, essas tecnologias eram vistas como algo fora da realidade e totalmente futuristas. Atualmente, assistentes virtuais como o Google Assistant, da Google, Alexa, da Amazon e Siri, da Apple, fazem parte de nosso dia-a-dia.

Leia também: Desvendando mistérios: o que é um chatbot?

No setor de educação essa mudança não poderia ser diferente. Em um mercado tão competitivo, o uso de chatbots no ensino a distância podem trazer diversas vantagens, principalmente na modalidade online, onde têm um desafio maior em conseguir uma comunicação mais assertiva e engajamento dos alunos. Além disso, os bots são uma ótima forma de modernizar e reduzir custos de processos.

Nesse sentido, separamos os benefícios que o uso de chatbots no ensino a distância irão proporcionar às instituições:

Quanto tempo os profissionais de uma instituição de ensino gastam para responder dúvidas dos alunos? Perguntas como documentos necessários para rematrículas, formas de pagamento, segunda via de boleto, início das aulas… são dúvidas recorrentes e que podem ser respondidas de forma automatizada por um chatbot de atendimento.

Com o bot de atendimento, dúvidas administrativas dos alunos podem ser respondidas quase de maneira instantânea, mesmo quando a equipe de atendimento estiver ausente. Ou seja, o atendimento é feito 24h por dia.

Além disso, o chatbot é capaz de interagir com diversos alunos ao mesmo tempo, evitando filas de atendimentos e gerando menos frustrações pela espera e mais agilidade na resolução dos chamados.

Vale lembrar que o uso do chatbot não busca eliminar por completo o atendimento humano, mas sim complementá-lo, dando maior liberdade para os profissionais realizarem o atendimento humanizado em casos mais complexos em que o bot não foi treinado para responder ainda.

Uma aplicação muito importante dos chatbots no ensino a distância é a possibilidade de criar sistemas de tutoria digital, onde é fornecido para os alunos um ambiente de aprendizado personalizado. Através da tecnologia de NPL (Processamento de Linguagem Natural), os robôs entendem e respondem as dúvidas dos alunos. Dessa forma, os robôs desempenham uma função de instrutor durante o programa de aprendizado.

Um dos casos mais conhecidos do uso de chatbot na educação ocorreu em 2016 no Instituto de Tecnologia de Georgia nos Estados Unidos. O professor Ashok Goel, que ministrava um curso online de Inteligência Artificial, recebia mais de dez mil questões por semestre no fórum online do curso. Percebendo que grande parte das perguntas eram repetidas e já haviam sido respondidas, o professor teve a ideia de criar a tutora virtual Jill Watson para responder essas perguntas. A criação do bot foi um sucesso e a parte engraçada dessa história é que os alunos não faziam ideia de que estavam sendo respondidos através de um bot

Se quiser saber mais sobre essa história, acesse o vídeo do TEDx onde o professor conta um pouco mais sobre como foi a criação desse bot:

Uma das maiores dificuldades encontradas nos cursos a distância se diz respeito a evasão dos alunos no curso. Segundo o resultado obtido pelo Censo EAD 2019, a maior porcentagem de instituições de ensino estão com uma taxa de evasão de alunos entre 26% e 50%. Uma das causas mais apontadas pelas instituições é a dificuldade de se adaptar a essa metodologia.

O chatbot no ensino a distância permite uma interação rápida e de fácil acesso para os alunos em um ambiente digital totalmente personalizado. O bot reforça a experiência de aprendizado, proporcionando um maior engajamento e ajudando o aluno a se adaptar com a metodologia de ensino, o que reduz a taxa de evasão.

Como mostrado anteriormente, são diversas as atividades repetidas que facilmente poderiam ser automatizadas por um chatbot. Estudos mostram que um chatbot pode reduzir em média 40% dos custos de atendimento humano, além disso os atendentes poderão utilizar esse tempo para a realização de atividades mais estratégicas. Esse percentual pode ser maior, uma vez que estamos falando de ensino a distância, onde os alunos estão aprendendo em um ambiente digital.

O chatbot pode trazer uma comunicação mais ágil entre a instituição de ensino e o aluno. Se o intuito da instituição for de realizar a divulgação de novos serviços, calendários e novos cursos, entenda que o bot é uma das melhores opções para isso.

Além disso, o chatbot no ensino a distância pode ter uma presença omnichannel, o que significa estar integrado em vários canais de comunicação. Alguns exemplos são envio de SMS, e-mail, mensagem de Whatsapp, Messenger e outras redes sociais. Quanto mais canais a empresa disponibiliza, maior é a chance de realizar a comunicação mais assertiva com todos os alunos.

Quer saber mais sobre o assunto? Clique aqui e acesse um guia completo com tudo que você precisa saber sobre chatbots na educação!

Quer saber como um bot funciona na prática? Clique aqui e acesse a plataforma da Cosmobots

Veja também
Menu