Cultura Data Driven: qual a importância para o seu negócio?

Por

·

·

·

4 min. de leitura

A cultura Data Driven pode ajudar a sua empresa a aumentar a eficiência em todos os setores. Saiba mais!

Cultura Data Driven qual a importância para o seu negócio

A intuição na hora de tomar decisões não está gerando resultados? É exatamente por isso que a cultura Data Driven é tão importante para as empresas.

A cultura Data Driven é uma prática que defende a orientação a dados em toda ação e decisão.

Além de dar direcionamento para a tomada de decisão, as empresas que conseguem transformar dados em informações inteligentes estão com a faca e o queijo na mão.

Um fator de sucesso entre as empresas é a habilidade de extrair informações dos dados gerados e ganhar vantagem competitiva.

O que é Cultura Data Driven?

A cultura Data Driven é um conjunto de práticas totalmente voltada para o uso de dados como principal fonte de informação para tomada de decisões dentro das empresas.

Portanto, achismos, suposições, intuições não fazem parte do mindset da cultura Data Driven.

Empresas que implementam uma cultura orientada a dados conseguem entender o cliente, suas objeções, necessidades, desejos e entregar uma experiência incrível.

Mas como isso é possível? Os dados nos dão uma visão clara do negócio como um todo.

Atualmente, comportamentos, valores, características e particularidades podem ser observadas nos diversos dados que as pessoas e as organizações geram.

Mas por incrível que pareça, apesar de saber da importância de conhecer muito bem os clientes, as empresas geram muitos dados, mas não conseguem analisá-los.

Por isso, ainda há um grande desafio relacionado aos dados dentro das organizações: a extração de insights.

Desafios da cultura orientada a dados

Segundo estudo realizado pela Dell Technologies, 70% das empresas estão coletando dados mais rápido do que podem usá-los.

Ou seja, as empresas conseguem gerar muitos dados, mas não conseguem extrair insights de todos eles.

E mais do que isso, consequentemente, mais de 60% dessas empresas estão lidando com uma equipe de dados sobrecarregadas.

Além disso, existem algumas barreiras que impedem a excelência no levantamento de dados. Entre eles estão:

  • Habilidades técnicas e de ciência de dados internas insuficientes
  • Silos de negócios e de dados
  • Processos manuais lentos demais para atender às necessidades dos negócios
Perfil das empresas classificadas com base na capacidade técnica de gerenciar e analisar dados, na cultura de dados e nas habilidades com dados. Fonte: Dell Technologies
Imagem: Perfil das empresas classificadas com base na capacidade técnica de gerenciar e analisar dados, na cultura de dados e nas habilidades com dados. Fonte: Dell Technologies.

Apesar de saber a importância de ter uma cultura Data Driven, infelizmente, ainda existe um abismo entre os dados gerados e os resultados que eles geram.

A Relação entre a cultura Data Driven e o Atendimento ao Cliente

Parece que os dados são importantes apenas para áreas gerenciais e de grande impacto na empresa, certo?

E é exatamente isso. Pois, todas as áreas geram grande impacto e devem ser tratadas igualmente.

Por isso, não seria diferente com o atendimento ao cliente. Mas, afinal, qual a relação entre cultura Data Driven e o atendimento?

Aparentemente, tudo. Hoje, os clientes querem ser atendidos de forma rápida,  personalizada e eficiente.

E como as empresas conseguem fazer tudo isso? Conhecendo muito bem os seus clientes através dos dados gerados por eles.

Dessa forma, a cultura orientada a dados, consegue gerar insights que ajudam empresas a melhorar o atendimento em todos os níveis (atração, conquista e fidelização).

Escolha de canais

Os dados conseguem extrair insights sobre quais canais têm gerado o melhor retorno.

Além disso, acompanhar as tendências de mercado através de dados, pode ajudar a empresa a se antecipar e investir em canais que fazem mais sentido.

Um exemplo foi o aumento do uso do WhatsApp entre empresas e clientes durante a pandemia causada pelo COVID-19.

As empresas que acompanham a evolução do comportamento do consumidor, conseguiram se atualizar e implementar este novo canal de comunicação.

Personalização do Atendimento

Com o uso de tecnologias de gestão de leads, é possível armazenar dados e fazer com que todos os sistemas se conversem.

O Marketing pode utilizar aquela informação para entender a necessidade do cliente e enviar uma promoção.

Quando o contato chega no Comercial, o vendedor já sabe qual foi o produto e promoção escolhida e oferece a melhor condição.

Toda essa personalização só é possível, porque dados foram salvos, analisados e compartilhados.

Conversão de Vendas

Ao compreender a necessidade e desejos do público que atende, a empresa consegue investir em campanhas e ofertas de maneira mais eficiente.

Além disso, a cultura orientada a dados ajuda a levantar informações de grande valia e que ajudam as empresas a converter leads em vendas.

Qual a importância da Cultura Data Driven?

Todas as áreas de uma empresa gera algum tipo de dado, seja ele fácil ou difícil de ser manipulado. 

Por isso, todos os departamentos podem ser beneficiados quando a cultura Data Driven é implementada.

Aumento da Eficiência

Primeiramente, vale ressaltar que a principal vantagem da cultura orientada a dados é aumentar a eficiência como um todo na organização.

Os dados trazem consigo problemas e soluções, logo, tendo uma visão clara do que precisa ser feito, todas as áreas conseguem aumentar a eficiência.

Auxilia nas previsões

O planejamento estratégico é uma das ferramentas mais importantes para as empresas.

Mas para criar um plano de ações muito claro e objetivo, você precisa analisar diversos dados e prever o que precisa ser feito.

Os dados conseguem sugerir e prever tendências com alto grau de assertividade e isso ajuda empresas a criar planos certeiros.

Reduz custos

Sabemos que a área de gestão de riscos atua diretamente prevendo e buscando formas de redução de erros e impactos negativos. 

Mas isso só é possível, porque existem diversos dados que mostram o cenário passado, atual e futuro.

A gestão de risco, quando aliada a cultura orientada a dados, consegue ser muito mais eficiente e a possibilidade de ser pega de surpresa é reduzida a quase 0.

Aumento da Lucratividade

Segundo estudo realizado pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) e pela Universidade da Pensilvânia, as empresas que implementaram a cultura Data Driven tiveram ganhos em produtividade e lucratividade, além de aumentarem o valor de mercado delas.

Por fim, as empresas estão longe de atingir maturidade no que diz respeito à cultura voltada a dados.

Mas as organizações que já implementaram a cultura Data Driven estão colhendo bons resultados.

Ficou interessado pelo nosso conteúdo? Então, se cadastre em nossa newsletter para não perder nenhuma novidade.

O conteúdo oferecido faz parte da CosmoBots. Para saber mais sobre nós, acesse https://cosmobots.io/.

Siga a gente nas redes sociais: Instagram, LinkedIn e Facebook

Confira nossos e-books

Não perca nenhuma novidade do Blog da CosmoBots!

Veja também
Menu